Como usar as palavras-chave do Google para ranquear seu conteúdo

Como usar as palavras-chave do Google para ranquear seu conteúdo

Google Keywords é um dos conceitos mais básicos, se não for considerada a base do SEO. Em português, palavras-chave do Google, são os termos principais que determinam qual é o assunto de uma determinada página de internet.

O primeiro a se fazer é ter em mente quando se pensar em construir um site ou fazer a otimização de sites deve ser a escolha das keywords corretas. Escolher as keywords certas pode determinar o sucesso ou fracasso de um site, pois é baseado nas keywords dos sites que o Google exibe os resultados no seu site de busca. Quando você escreve por exemplo “eletrodomésticos” na página do Google serão exibidas as páginas que tenham essa como uma das keywords.

Palavras-chave do Google

As palavras-chave do Google deverão ser desenvolvidas durante o texto, de modo a relembrar o leitor sobre o que se trata. A palavra chave principal será fornecida junto a uma descrição básica do texto, mas existem algumas dicas para encontrar variações que possam ajudar na redação dos artigos.

O Google interpreta texto. Não consegue (ainda) interpretar uma imagem para saber do que se trata. Logo, ao redigir conteúdo para um site, é importante que a palavra-chave trabalhada na página seja entendida pelo Google como a mais relevante daquela página.

É uma dica importante buscar a palavra-chave principal no Google, para entender os resultados que vocês podem ser atingidos no rankeamento da página. O principal resultado da busca pode ser usado como referência, e os outros resultados da primeira página, como complemento. A ideia é perceber o que a ferramenta de busca considera relevante e construir um conteúdo ainda mais completo. 

Densidade da Palavra-Chave

Uma das formas de se conseguir isso é aumentando a densidade da palavra-chave no texto da página. Procure repetir ao menos três vezes a palavra-chave no texto. O plugin para Firefox e Google Chrome SEO Quake permite verificar as repetições de cada palavra-chave em uma página, como no exemplo abaixo, onde analisamos a págima do Google Chrome. Note que a palavra-chave “Google Chrome” é repetido nove vezes na página, incluindo o Título (T) e a Descrição (D):

Negritos e Itálicos

O Google procura exibir em seus resultados as páginas mais relevantes às palavra-chave buscadas. Uma das formas deo google identificar a relevância de uma página é a ocorrência de negritos e, até certo ponto, itálicos. Como esses textos aparecem em destaque na página, são um forte indício de que o assunto da página está relacionado ao seu conteúdo. Procure colocar ao menos 1 vez em negrito a palavra-chave trabalhada na página.

Quantidade de palavras-chave por página

Até um tempo atrás, considerava-se como número mágico o mínimo de 200 palavras por página, para que o Google considerasse relevante o conteúdo da página. Alguns estudos atuais sugerem que esse número aumentou, mas ao mesmo tempo podemos perceber que várias buscas trazem em primeiro lugar páginas com pouco conteúdo.

A nossa recomendação é por 200 a 300 palavras por página, mas só se isso fizer sentido. Se pouco conteúdo fizer sentido para as pessoas, eventualmente o Google também conseguirá interpretar a qualidade de seu conteúdo. Faça uma busca no Google e veja a quantidade de palavras-chave do Google dos primeiros resultados para ter uma ideia da quantidade de palavras-chave ideal para incluir em seu texto.

Auto-complete

Comece digitando uma palavra ou frase na caixa de pesquisa do Google e previsões que podem ser semelhantes ao que você está procurando podem aparecer. O algoritmo de preenchimento automático é baseado em muitos fatores, incluindo quantas vezes os usuários procuraram por um termo no passado.

É especialmente útil se você está procurando por palavras-chave do Google de “long tail” baseadas em uma palavra ou uma frase. Escreva a sua palavra principal na caixa de busca e depois cada letra do alfabeto para ver pesquisas relacionadas. Coloque também um espaço antes da sua palavra-chave para ver mais variações.

Sugestão de Palavras-Chave

Também é interessante entender quais as sugestões de pesquisa do Google, pois assim você pode ter uma ideia de quais termos são relevantes para aquelas pessoas que você quer atingir. Se o texto também conter essas palavras sugeridas, a ferramenta de busca irá compreendê-lo melhor e categorizá-lo como aquele que traz a melhor resposta às buscas. 

Como diz o Google, você pode usar o planejador “para criar as bases para uma campanha bem-sucedida”. Ele pode fornecer uma orientação para a organização do grupo de anúncios e uma ampla seleção de palavras-chave, mas se você contar exclusivamente com essa ferramenta pode perder a oportunidade de trabalhar com algumas expressões de “long tail” (cauda longa) consideradas valiosas.

KWFinder

O KWFinder é uma ferramenta excepcional especialmente se estiver a trabalhar a sua estratégia de otimização de motores de busca. Um dos aspectos mais interessantes desta ferramenta é um indicador de dificuldade para posicionamento orgânico. Significa que ao introduzir a palavra chave que pretendemos analisar, ficamos automaticamente a saber se é relativamente acessível posicionar para essa keyword ou se será muito extremamente dificíl.

Übersuggest

O Übersuggest é uma ferramenta de sugestão de palavras-chave. Essa ferramenta utiliza dos dados do Google e de outros buscadores, bastando apenas colocar o termo que tem em mente e adicionar uma letra ou número na frente dele para extrair sugestões de uma só vez. Em outras palavras, ele faz várias das tarefas descritas anteriormente (item 2 acima) para você automaticamente! Também é útil para pesquisa de palavras-chave de “long-tail” para ajudá-lo a encontrar nichos específicos a serem explorados dentro do seu mercado.

Google Adwords

O Planejador de palavraschave do Google AdWords é uma ferramenta de pesquisa de palavraschave. Com ele, você pode encontrar as palavraschave certas a serem segmentadas para anúncios gráficos, em vídeo, da rede de pesquisa e de aplicativos.
Para saber mais sobre este e outros assuntos relacionados a Marketing Digital, acesse o nosso blog.
 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!